17 de agosto de 2013

As 12 piores marcas de alimento para cães! E, um pouco mais...

O denominado mercado das - Pet Food é um mercado em ascensão e sem queda... e há vários anos!Terá apostado na qualidade diríamos... humm  mas em que qualidade apostou!? 

A qualidade de uma "nova" classe emergente -  a dos donos que consideram os animais de estimação como membros da família e dispostos à acção: " vão- se os anéis ficam os dedos"  para quando estes precisam. São eles os verdadeiros target  deste mercado. Em média, gastam 45 a 60 euros, por 15 kilos, ou 13,5k, de alimento. Já  embalado,  já prensado, já com as vitaminas todas, já com um prazo de validade a rondar o impossível para qualquer conceito de natural, ou fresco! E, já com uma descrição de conteúdo tão técnica e tão minúscula que o comum dos mortais  prefere deixar isso para quem entenda do assunto!  A publicidade, essa usa uma linguagem fácil e assertiva feita para descansar a escolha: Sensitive skin, para labradores, para raças gigantes... e por aí... 
As multinacionais  perceberam  cedo as vantagens deste mercado e dividiram -no em segmentos significativos  - do supermercado á "petshop" por ordem gradativa da suposta qualidade: a Néstlé produz a Purina, a Procter & Gamble a iams e a eukanuba, a Colgate-Palmolive Company a Hills Science Diet, a Mars a Pedigree, para nomear apenas algumas.
Com a crise a apertar apertou também o cerco da procura de "good value for money". O segmento mais alto deste mercado viu-se obrigado a responder a uma nova tendência. 
A procura de conteúdos de maior qualidade, sobretudo por via da critica da incorporação e excesso do milho. Gerou-se um novo boom e novos rótulos a anunciar conteúdos mais naturais, ou próprios para consumo humano, ou grain free, etc. Esta tendência, positiva, trouxe com ela um maior debate e informação sobre os benefícios de alimentação não natural prolongada. Um maior conhecimento sobre este tipo de alimento. e uma abertura a novas propostas de alimentação canina como por exemplo o BARF, ou a alimentação natural - calculada em função de cada cão - e sobretudo destinada a melhoria da condição física de muitos cães, sobretudo os seniores!
Enfim... uma lança em África no panorama global mas que muitos são os cães que já agradecem!!!
Aqui ficam  3 links interessantes e que levantam, pelo menos, duas pontas diferentes deste enorme véu!



 As 12 piores marcas de alimento para cães! http://holisticandorganixpetshoppe.com/top-12-worst-dog-food-brands.html
 Alimentação ao serviço da saúde e "dietas costumized" :
http://www.tcvm.com/Program/outline/foodtherapy.htm

História breve da industria da pet food nos EUA :
http://funstufffordogs.wordpress.com/2013/06/07/a-history-of-commercial-dog-food/


in english please:
During the last decades the pet food industry owned millions by targeting owners who developed a new sense towards theirs pets - pets are family!
A normal bag of dog food from the highest segment is very expensive. But somehow  along the way some voices have been heard questioning the quality of whats inside that adorable fluflfy bag we take home. More inquisitive owners  started to ask around demanding  improvements on the dogs food quality, specially towards the massive utilization of corn as a main ingridient. Therefore much more high quality food was released. This time lables promised - natural dog food, holistic dog food, by nature, no grain, grain free, etc.
It as been a long way to reach this point! Along with it owners are now much more informed and new  food alternatives have come to the  dogs! BARF, cooking at home veterinary customized diets are just a few!
I ll leave you a few links that reveal part of this important question! Enjoy!

Sem comentários: